Auxiliar agrícola é preso por invadir casa e deixar ex-mulher e 4 filhos trancados para fora

Últimas Notícias

Auxiliar agrícola, de 27 anos, foi preso depois de invadir a casa da ex-mulher e deixar ela e os quatro filhos trancados para o lado de fora durante a madrugada desta quarta-feira (24), em Bonito. Ele ainda reagiu a ação policial e foi atingido por um tiro de borracha.

Conforme apurado pela reportagem, autor e a vítima ficaram juntos por cinco anos e tiveram dois filhos. A relação, no entanto, sempre foi marcada por ameaças e agressões.

Horas antes do caso ser registrado, a polícia já havia recebido informações de que o autor estava na casa da vítima, o que desde o fim do ano passado foi proibido pela justiça com a decretação de uma medida protetiva. Os militares foram ao local, mas não tiveram problemas com o suspeito.

Na segunda vez, quem acionou a polícia foi uma das filhas da vítima, que é menor de idade e não teve a identidade revelada. Por telefone ela narrou que o padrasto estava na casa de novo e não iria sair. A equipe então voltou ao endereço e encontrou a moradora e os quatro filhos deitados no chão do lado de fora, “ao relento”.

Descobriram que o suspeito havia colocado a família para fora e trancado a casa. Os policiais tentaram entrar e em um primeiro momento foram impedidos pelo auxiliar agrícola. Já dentro do imóvel, os militares encontraram resistência na prisão.

Agitado, o homem lutou com os policiais e acabou atingido por um tiro de elastômero, na altura da cintura, para ser contido. Depois disso, foi levado para a Delegacia de Polícia Civil de Bonito. Ainda segundo o registro policial, a vítima contou que possui várias medidas protetivas contra o ex e que recentes foram rasgadas por ele.

A última foi decretada em dezembro deste ano. O documento proibiu o suspeito de se aproximar da ex-mulher, de visitar familiares dela, de conviver com os dois filhos. Na delegacia, os investigadores encontraram vários boletins de ocorrência de violência doméstica em nome do preso.

Notícias Relacionadas

Lei seca e toque de recolher a partir das 20 horas são algumas das medidas válidas em Bonito a partir de hoje

serviços de delivery relacionados a quaisquer atividades, serviços e empreendimentos mesmo não classificados como essenciais estão autorizados A partir desta...