Incêndio destrói cozinha de casa e idosa procura polícia para relatar suspeita de crime

Últimas Notícias

Uma idosa de 71 anos procurou a polícia de Porto Murtinho nesta terça-feira (20) para relatar o suposto incêndio criminoso em sua casa. O fogo consumiu a cozinha da residência e para a moradora, o principal suspeito do crime é um ex-namorado de sua neta, que persegue a jovem por não aceitar o fim do relacionamento.

A vítima narrou que a cozinha da sua casa, construída em um cômodo separado da casa, ficou completamente destruída após um incêndio.

Ela explicou que mora com a neta no Bairro Cohab e que a cozinha da casa foi construída nos fundos do terreno, separada dos quartos. Durante a noite, ouviu um barulho vindo do cômodo, saiu para ver o que era e se deparou com o incêndio. O Corpo de Bombeiros foi chamado, mas o fogo se espalhou rapidamente.

Para a polícia, a idosa revelou a suspeita do incêndio ser criminoso e contou que horas antes encontrou um dos vizinhos em seu quintal. O homem que havia invadido o imóvel, segundo ela, é ex-namorado da neta dela, que nunca aceitou o término do relacionamento.

A idosa detalhou ainda que frequentemente o suspeito invade a casa para “sondar” a neta dela e por isso as duas já registraram três boletins de ocorrência contra ele. Outra situação que chamou atenção das moradoras, é que depois do crime viu os pais do rapaz perto do muro de sua casa. Para ela, o casal afirmou que estava procurando o celular do filho, que havia caído do mato.

O caso agora é investigado pela Polícia Civil de Porto Murtinho.

Notícias Relacionadas

Período de pré-matrícula da Rede Estadual de Ensino termina nesta quinta-feira

Etapa deve ser realizada pelos pais ou responsáveis e consiste no preenchimento de dados do aluno e seleção da...