Bonito 73 anos: “os desafios de aliar desenvolvimento aos cuidados com o melhor destino de ecoturismo do Brasil”

Últimas Notícias

No aniversário de 73 anos da Capital do Ecoturismo de Mato Grosso do Sul, o Bonito Mais conversou e  ouviu pessoas que ajudaram a construir essa história. A entrevista do jornalista e empresário Bosco Martins ao Programa Conexão Bonito traz um olhar dinâmico sobre os investimentos realizados pelo Governo do Estado nos últimos anos.

“As obras são  o melhor presente para Bonito; consolidam o movimento dos últimos sete anos do Governo do MS com as municipalidades apoiando as aptidões de cada lugar. Em Bonito, em meio a pandemia, o ecoturismo é cada vez mais valorizado e destaca o Mato Grosso do Sul no mapa do Brasil”, comentou o jornalista Bosco Martins, um dos precursores do turismo rural no município durante entrevista ao programa Conexão Bonito.

O jornalista e empresário bonitense  falou sobre o novo momento de Bonito, destacando o “olhar” do governo para o desenvolvimento sustentável. “Bonito sempre teve um apelo de cuidado ao meio ambiente e isso sempre foi pauta do desenvolvimento de Bonito; o município avança como um dos principais destinos do ecoturismo não só do Brasil, mas do mundo. Esse desenvolvimento se reflete não apenas no município, mas em toda a região, poia estamos ao lado de um grande santuário que é o Pantanal”.

O programa Conexão Bonito, apresentado por Luis Pires, obteve cerca de oitocentos comentários entre os  internautas e contou também com a participação do sanfoneiro e  cidadão bonitense Isauro Garcia, o “Gauchinho”.

Bosco Martins destacou que Gauchinho é “o único sanfoneiro 8 baixo que toca sanfona com destreza e habilidade  e com a sanfona  de cabeça pra baixo, por ser canhoto.”  E sobre o aniversário da cidade  pediu cuidado e solidariedade para Bonito, ” pois  é de barro,” continuou Bosco. “Há uma grande preocupação com o “boom” desenvolvimentista de Bonito, mas a cidade está sendo privilegiada por um plano de expansão urbana e infraestrutura turística muito bem traçado, que prioriza a sustentabilidade. A  Rodovia do Turismo, o suporte logístico para as atividades turísticas,  é uma realidade.

A preocupação com a proteção da natureza levou as atividades agropecuárias  a buscar uma parceria com o Governo de MS  e juntos realizarem ações de conservação de solos e águas, sendo a Semagro responsável pela articulação e trabalho em campo.

O investimento  a capacitação dos setores que integram a economia local, principalmente de serviços, trouxe para o município o SEBRAE que tem colaborado muito com capacitação e preparação dos empreendimentos da cadeia do turismo, comentou o jornalista durante o programa transmitido nas  plataformas digitais.

À frente do tempo

Testemunha ocular  da história , não só de Bonito  mas de MS e há três décadas na cidade,  Bosco Martins,  fala que além da infraestrutura, logística, obras de alcance social, Bonito  ganha o canal digital da TV Educativa e deve melhorar o sistema de comunicação móvel na esteira dessas ações de governo.

“Reinaldo Azambuja é sem dúvida um governador pró-ativo que supera gestores emblemáticos, como o ex-governador Pedro Pedrossian, considerado até então o maior tocador de obras do Estado. Não é demais comparar e chego a dizer que Reinaldo é como se fosse um mix de Lúdio Coelho e Pedro Pedrossian, lembrando que foi Lúdio quem incentivou Azambuja a entrar para a política. Ao final deste governo, seguramente, Reinaldo Azambuja deve superar em volume de obras a gestão do ex-governador”, citou ele.

Reinaldo Azambuja é citado na entrevista como “governador prefeito,” pelo volume de obras nos municípios, incluindo Bonito, entre elas a inauguração da sede do Corpo de Bombeiros,  pavimentação asfáltica em vários pontos, equipamentos de esporte e lazer, academia ao ar livre, pista de caminhada, autorização do recapeamento das rodovias 345 e 382, asfalto em bairros e outras ações que consolidam o desenvolvimento de Bonito. As inaugurações fazem parte da programação de aniversário de Bonito, um dos principais destinos turísticos do Brasil e já inserido no circuito turístico mundial e acontecem neste sábado (2).

Notícias Relacionadas

Golpista se passa por filho e leva mais de R$ 8 mil de jardinense

Uma jardinense de 55 anos perdeu R$ 8.980 mil após acreditar estar ajudando o filho. Os golpistas de passaram...