Nos primeiros seis meses do ano, PMA aplicou R$ 11, 5 milhões em multa no MS

Últimas Notícias

No primeiro semestre deste ano, a PMA (Polícia Militar Ambiental) autuou 571 pessoas por infrações ambientais e aplicou multas que somaram de R$ 11, 5 milhões, valor 19% maior ao mesmo período do ano passado, que foi de R$ 9,7 milhões.

Hoje, os policiais militares ambientais estão em 27 subunidades em Mato Grosso do Sul. Todos os dias, as equipes atuam em defesa da fauna, flora, solo e recursos hídricos do Estado, principalmente nas regiões em que a natureza é a principal riqueza do município, como a região de Bonito.

As infrações que mais se repetiram nesses primeiros seis meses do ano foram contra a flora, cerca de 290. Em segundo lugar, vem as ocorrências relacionadas à pesca, com 134 casos. Além disso, foram registrados 93 autos de infrações por poluição e 54 contra a fauna.

Na semana passada, um fazendeiro de Bonito foi autuado por várias infrações listadas no balanço semestral. Ele foi multado em R$ 160 mil por construir uma barragem ilegal para desviar das águas do Rio Anhumas até uma lagoa. Além disso, criava gado dentro da área protegida de matas ciliares (aquela presente nas margens de corpos de água), em uma região localizada a 13 quilômetros da cidade.

Outros tipos de infrações foram o transporte de produtos perigosos (agrotóxicos, combustíveis e outros), atividades sem licenciamento ambiental, além de autuações por infrações contra o ordenamento urbano e a administração ambiental.

Notícias Relacionadas

Governador autoriza novos concursos com mais de 900 vagas

Decreto publicado nesta sexta-feira, dia 01, autoriza novos concursos públicos estaduais. Ao todo são 909 novas vagas, distribuídas entre...