Com quatro frentes de trabalho, pavimentação da “Estrada 21” agrada moradores e leva esperança

Últimas Notícias

Com quatro frentes de trabalho, a obra de pavimentação da MS-345, conhecida como “Estrada 21”, está em pleno vapor. Ela liga a cidade de Anastácio a Bonito, passando pelo distrito de Águas de Miranda. O empreendimento vai beneficiar moradores de toda região, além potenciar o turismo e a prática de pesca esportiva. Também vai encurtar em até 40 km o caminho de Campo Grande a Bonito.

Além de impulsionar o desenvolvimento da região e trazer benefícios econômicos, o asfalto que chega na “Estrada 21” agrada e leva esperança às pessoas que moram ao longo da rodovia, nestes 100 km que serão pavimentados. Fim da poeira e do barro nos dias de chuva e mais segurança.

“Moro nesta região (Bonito) desde quando nasci, a obra vai ser boa para todo mundo, este trecho era muito difícil de andar por causa da poeira, que chega até nossa casa também. Trabalho lá na cidade e fazia este percurso de moto. Vai valorizar muito também os terrenos da região”, afirmou Edimildo Gaúna Machado, que mora em frente a rodovia, no trecho próximo a Bonito.

Silvana Cristaldo também mora na região com o marido e o neto de 10 anos. Ela diz que toda vizinhança está feliz com a obra. “Já sofri aqui com muita poeira e buraqueira na estrada, o asfalto vai melhorar para todo mundo”. Ela ainda citou que o neto segue de ônibus para cidade e não vai ter que enfrentar poeira ao longo do caminho.

Com uma chácara em frente a rodovia, Lurdes Gelinsk contou que já estava planejando até a venda do imóvel, no entanto resolveu ficar em função da obra. “Estou aqui há três anos com meu marido, mas no inverno a poeira era muito grande, já não aguentávamos mais. Com a rodovia asfaltada vai ser maravilhoso e vai valorizar a propriedade”.

Obra emblemática

Com R$ 212 milhões de investimento, a obra do Governo do Estado prevê 14 pontes ao longo do percurso, abrindo mais uma opção para ida de turistas brasileiros e estrangeiros chegarem até Bonito, vindo de Campo Grande. Ela começa do trevo da BR-419, a 21 km de Anastácio, até chegar na capital do ecoturismo.

“A obra de pavimentação da MS-345 é considerada uma obra emblemática, potencializando o ecoturismo e a pesca esportiva e abrindo mais uma opção de acesso ao destino a partir de Campo Grande. Esse é o desenvolvimento que acontece a partir do municipalismo, as cidades sentindo as entregas oferecidas pelo Estado, com recursos para todos os setores”, afirmou o governador Eduardo Riedel.

A obra foi dividida em quatro lotes. O primeiro que sai do trevo da BR-419 tem extensão de 28,65 km e 46% das atividades já foram concluídas. O segundo continua este percurso por mais 23 km. Lá cerca de 55% das atividades previstas foram finalizadas.

Os dois últimos lotes (3 e 4) seguem da metade do percurso até chegar em Bonito. O terceiro com 22,74 km já tem quase 40% dos trabalhos concluídos e o quarto (lote) chega a 56% das atividades prontas dos 25,16 km previstos. “Estamos fazendo os trabalhos a partir de Bonito em direção aos lotes 1 e 2, para que cada vez mais as pessoas possam já ir utilizando do asfalto que já está pronto”, disse Guilherme Ramalho, engenheiro de planejamento dos lotes 3 e 4.

Para o secretário de Infraestrutura, Hélio Peluffo, esta pavimentação é uma demanda antiga de toda região. “A obra vai encurtar a distância da Capital até Bonito, um dos destinos mais procurados por nossa população e também pelos turistas. Todos os quatro lotes estão em execução. As chuvas têm atrapalhado um pouco, mas as empresas estão seguindo os cronogramas. Por determinação da Seilog, o trabalho é reforçado sempre que há uma melhora no tempo”.

Fonte: Portal do MS

Notícias Relacionadas

Bonito está sob alerta de chuvas intensas até às 18 horas de terça-feira

A Capital do Ecoturismo de Mato Grosso do Sul está sob alerta de chuvas intensas, entre 30 e 60...