Equipe inicia visita aos imóveis para identificar ligações irregulares de água da chuva na rede de esgoto

Últimas Notícias

Equipe técnica, composta por servidores da Secretaria de Meio Ambiente de Bonito, Vigilância Sanitária, Sanesul e MS Pantanal iniciaram nesta quarta-feira (12) as visitas domiciliares para identificação e notificação de ligações irregulares de esgoto na rede de drenagem e também de ligações irregulares de águas pluviais na rede de esgoto. A medida faz parte do Programa Rios Cristalino, que envolve múltiplas ações para melhoria do sistema de coleta de esgoto e monitoramento da qualidade das águas dos córregos urbanos, com objetivo de proteger os Córregos Saladeiro, Bonito e Restinga, e consequentemente o Rio Formoso.

O trabalho deve abranger todos os imóveis do município e foi iniciado pelos locais onde há maior incidência de extravasamentos. O local escolhido para iniciar as visitas foi na Vila Donária, em parte da Rua Persio Schamann. “Com base nas informações da MS Pantanal e da Sanesul sobre os locais mais críticos, a equipe escolheu a região que tinha menos ligações em uma rede. Só no primeiro dia já visitamos 62 imóveis e foram identificadas 9 ligações irregulares de água da chuva na rede de esgoto”, detalha o diretor do departamento de Vigilância em Saúde de Bonito, Alex Beline.

Para identificar as ligações irregulares a equipe, com apoio de caminhão equipado com uma mangueira e água pigmentada, joga o líquido colorido nas calhas ou ralos usados destinados a água pluvial e observa a caixa de esgoto para identificar se água da chuva está caindo ali. Caso isso ocorra, o morador é notificado pela Vigilância Sanitária em tem 60 dias para consertar as irregularidades.

“Que fique bem claro que não iremos multar ninguém. O objetivo é identificar o problema, que eu acredito que muitos moradores podem nem saber que existe em seu imóvel, e orientá-los de como corrigir. Porque para muitos pode parecer algo distante, que não envolve a pessoa diretamente, mas se pensarmos de forma ampla, todos somos prejudicados, porque rios sujos significam prejuízo na economia, sem falar de todos os crimes ambientais”, pontua o prefeito Josmail Rodrigues.

O programa Rios Cristalinos também objetiva acompanhar o plano de manutenção da rede de esgoto para evitar entupimentos e extravasamentos; buscar soluções para residências que estão abaixo da quota da rede de coleta; identificar e notificar as ligações irregulares de esgoto na rede de drenagem e também de ligações irregulares de águas pluviais na rede de esgoto e monitoramento da qualidade das águas dos córregos urbanos.

Fonte: PMB

Notícias Relacionadas

Município e Estado firmam convênio para pavimentação e drenagem do Portal do Rio Formoso

O prefeito de Bonito, Josmail Rodrigues assinou na última semana convênio com o Governo do Estado para a pavimentação...