Sem internações, Miranda fecha Hospital de Campanha da Covid

Últimas Notícias

Sem internações locais, Miranda desativou o Hospital de Campanha para Covid-19 que era mantido aberto nas dependências da Escola Municipal Maria Henriqueta Rebuá Siufi – Caic, na Avenida Estanislau  Bossay. O atendimento a pacientes de Covid-19 voltaram, desde a segunda-feira, 15, a serem realizados no Hospital Municipal Renato Albuquerque Filho(HMR). No HMR uma ala foi isolada e adaptada para atendimento dos pacientes de Covid ou com suspeita da doença.

“O acesso ao hospital de campanha é  na lateral da entrada de emergência do hospital, uma ala está devidamente isolada para receber os pacientes que apresentarem sintomas da Covid-19”, diz a Prefeitura de Miranda, em nota publicada nas redes sociais.

O último boletim sobre a Covid-19  publicado pela Prefeitura é de 12 de fevereiro e apontava 21 casos ativos em isolamento domiciliar e 12 internados em outros municípios. No total, segundo o mesmo boletim, Miranda tem 1656 casos confirmados, dos quais 1576 recuperados e 47 óbitos.

Notícias Relacionadas

Depois de sete meses, Miranda vai retomar cirurgias eletivas no hospital municipal

Sem pacientes internados com Covid-19 e com números da pandemia em queda no município - atualmente, segundo o boletim...