Até maio Miranda já registrou mais casos de abuso sexual contra crianças do que em todo ano passado

Últimas Notícias

Apenas nos cinco primeiros meses de 2022 Miranda já registrou mais casos de abuso sexual contra crianças e adolescentes do que todo o ano passado. Até maio de 2022 os órgãos de proteção às crianças e adolescentes do município registraram 13 casos. Em todo 2021 foram dez casos.

O aumento, segundo o Centro de Referência Especializada de Assistência Social (Creas), se deve não porque ocorreram mais casos neste ano que no ano passado – mas sim, pela subnotificação de casos em 2021 por conta especialmente da pandemia. As autoridades avaliam que os casos continuaram ocorrendo, apenas não foram denunciados.

A denúncia de casos de abuso e exploração sexual infantil nem sempre ocorre. Casos ficam omissos e não são levados ao conhecimento das autoridades e isso foi agravado no período da pandemia de Covid-19.

Com o fechamento das escolas as crianças ficaram mais tempo dentro de casa e portanto mais vulneráveis a esse tipo de violência. Paralelo a isto, registros em boletins de ocorrência caíram.

Segundo dados do Anuário Brasileiro de Segurança Pública em 2019, antes da pandemia, houve 6.858 registros em boletins de ocorrência de violência sexual contra crianças de 0 a 4 anos. Em 2020, primeiro ano da crise sanitária, esse número caiu para ao menos 5.140.

Uma das ferramentas encontradas pelas autoridades para enfrentar o problema e incentivar a denúncia, são as campanhas de conscientização. No mês de maio, nacionalmente, órgãos de proteção à criança e aos adolescentes realizam a campanha Faça Bonito, que incentiva que as pessoas saiam da inércia e ajam, fazendo denúncias.

Em Miranda, a campanha foi realizada com uma serie de ações durante o mês de maio. A campanha municipal se encerrou com um evento em que profissionais de assistência social, psicologia, da área da saúde e da justiça, treinaram professores, agentes de saúde sobre como estes podem atuar para identificar e orientar crianças que tenham sido vítimas de abuso ou exploração sexual.

Notícias Relacionadas

Quatro atrativos de Miranda compõem rota gastronômica do Pantanal

De dez atrativos que compõem a rota turística gastronômica de Mato Grosso do Sul, quatro são de Miranda. O...