Bonito tem três pacientes graves de covid esperando vaga de UTI há dois dias

Últimas Notícias

Bonito tem três pacientes em estado grave, aguardando UTI há dois dias e que não conseguem vagas em hospitais públicos e nem em particulares. São duas mulheres uma com 75 outra com 72 anos e 1 homem com 57 anos. “Os pacientes estão graves, mas só recebemos informações de que não há leitos disponíveis”, diz Paula Mestou Geller, enfermeira-chefe do Hospital Darci João Bigaton, onde os pacientes estão internados.

Segundo o diretor do hospital, Wilson Braga, inclusive o prefeito  de Bonito, Josmail Rodrigues (PSB) está envolvido numa força-tarefa em busca de viabilizar a liberação de leitos para estes pacientes.

Os três pacientes estão usando máscara de alta concentração, um equipamento novo que o Hospital Darci João  Bigaton adquiriu há cerca de uma semana. Esta máscara antecede a necessidade de intubação. Portanto, os pacientes ainda não necessitaram de respirador. “Mas se precisar, temos sim o respirador aqui”, explica Paula. O hospital tem dois respiradores. A presença do respirador não exime a necessidade de UTI.

Conforme o sistema de saúde, as referências para receber pacientes de UTI de Bonito são Jardim e Campo Grande. Mas os pacientes estão sendo encaminhados para outros municípios, liberados conforme o CORE (Complexo Regulador Estadual). No entanto, no caso destes três pacientes, até o fechamento desta reportagem, às 13h desta quarta-feira, 17, não haviam sido liberadas vagas.

A direção do hospital de Bonito afirma, no entanto, que a situação ainda está sob controle e que a equipe busca prever os problemas para garantir o atendimento de população.

Lotado

Segundo o Governo de Mato Grosso do Sul a ocupação de leitos de UTI para covid-19 em Mato Grosso do Sul, é de 96,03%. Já a ocupação de leitos de UTI geral (não apenas de covid-19) é de 91,44%. Em se tratando de leitos clínicos para covid o índice é de 64,61%, já a ocupação de leitos clínicos para outras doenças é de 58,59%.

Notícias Relacionadas

Estudo apoiado pela Fundect gera a 1ª patente do óleo essencial de guavira para uso em cosméticos

De aroma único, a fruta símbolo de Mato Grosso do Sul poderá ganhar nova vida em perfumes, cremes e...