Mae, sinônimo de carinho

Últimas Notícias

Por Tania Maria Pellin

Mãe, palavra tão pequenina, mas que tem um significado amplo e pleno. Um ser mágico que acolhe, cuida, dá carinho e acompanha o crescimento do seu filho, passo a passo, sentindo-se orgulhosa a cada conquista.

O sonho de ser mãe, começa muito cedo, com aquela primeira boneca, presentada por alguém, ou na falta da mesma, a macia e velha boneca de pano. Os cuidados dedicados ao brinquedo, refletiriam a aptidão a maternidade. Algumas não tinham jeito com a boneca, mas se tornaram excelentes mães, pois ao ver aquele pequenino ser frágil, sob seus cuidados, ela se supera. E seu subconsciente age de forma espontânea – ela se torna uma mãe.

Ser mãe, é um dom a nós mulheres, atribuído, que tem o poder de gerar e transformar vidas. De acolher e ensinar o caminho a ser percorrido por nossos filhos, sejam eles filhos naturais, ou filhos do coração, são amados igualmente. Para uma mãe não há diferenciação.

Mas de onde vem a procedência desta data tão importante, que traz a memória a lembrança de uma mãe. Muitas vezes presente, mas para muitos, já ausente. Neste dia, ela é sempre lembrada, pois tem um dia dedicado a ela.

Tudo começou na Grécia e Roma antiga, não podia ser diferente, o berço das civilizações, lugar onde o ser humano despertou para os sonhos, e dos sonhos para o mundo.

Nas Festas Primaveris, destes locais, a muitos anos, aconteciam os cultos de adoração às divindades que representavam as mães. Entre estas divindades destacamos a deusa Réia, mãe dos deuses. Eram festividades em agradecimento a deusa, sendo que as mesmas eram místicas, consideradas festas pagãs.

 

O dia das mães aqui no Brasil é comemorado no segundo domingo de maio, mas em alguns países, esta data não coincide com a nossa. No Brasil, a comemoração foi oficializada pelo então presidente Getúlio Vargas (1882-1954), e o Decreto de número 21.366 assinado em 5 de maio de 1932, o mesmo dizia: “O segundo domingo de maio é consagrado às mães, em comemoração aos sentimentos e virtudes que o amor materno concorre para despertar e desenvolver no coração humano, contribuindo para seu aperfeiçoamento no sentido da bondade e da solidariedade humana.”

Desde então a data é comemorada em todo país, de diversas maneiras e tem como intuito celebrar o amor e o carinho de todos às mães.

Maio, um mês cheio de comemorações, em que todas se voltam para o seio do lar, nosso porto seguro. O mês de maio tradicionalmente é chamado de o mês das noivas, mês da família, mês das mães, enfim é tempo de nos lembrarmos da família e da mulher. Cabe aqui ressaltar uma passagem bíblica: “Se o Senhor não edificar a família, em vão trabalham os que a edificam. ” Salmo 127.1 Que você, a sua maneira continue a espalhar carinho materno por onde estiver.

Parabéns a você mulher, que traz consigo este importante título de MÃE

Notícias Relacionadas

Estudante – Pedra Preciosa

Tania Maria Pellin Com o intuito de homenagear aqueles que valorizam o conhecimento, instituiu-se em 11 de agosto de 1927,...