Candidato de Bolsonaro e apoiado pelo PT, Rodrigo Pacheco é eleito presidente do Senado

Últimas Notícias

Com um placar de 21 a 57  Rodrigo Pacheco (DEM-MG) é eleito presidente do Senado Federal, derrotando a candidata Simone Tebet (MDB).

Rodrigo Pacheco era o franco favorito no pleito, uma vez que tinha o apoio da base governista e, mesmo, o apoio de partidos de oposição, como o PT.

Simone Tebet foi lançada candidata pelo MDB tardiamente, quando Pacheco já negociava cargos e espaços com os partidos. Ainda assim a senadora de Mato Grosso do Sul buscou viabilizar sua candidatura. Com o governo oferecendo cargos e emendas extraorçamentárias aos senadores, a candidatura da emedebista foi sendo minada até que seu próprio partido a abandonou.

Rodrigo Pacheco pregou a união, cumprimentou Simone pela elegância na disputa e garantiu que trabalhará para a independência dos poderes.

 

Notícias Relacionadas

Decreto Legislativo autoriza Executivo a conceder isenção de IPVA e ICMS

Por meio do Decreto Legislativo 716/2021 - o Poder Executivo de Mato Grosso do Sul está autorizado a conceder...