Em carta aberta , Simone Tebet pede que Bolsonaro apresente plano contra pandemia, “ou permaneceremos no caos”

Últimas Notícias

“Faltam leitos, falta oxigênio, falta caixão”, diz trecho da carta aberta ao Brasil, publicada pela senadora Simone Tebet (MDB-MS), na manhã desta sexta-feira, 19.

Confira a íntegra do texto:

“O Brasil mergulhou na cratera do NÃO. Não há coordenação, não há plano, não há compaixão.

Faltam leitos, falta oxigênio, falta caixão.

Faltam remédios para a dor.

Audiência pública não basta. Comissão de acompanhamento da Covid do Senado é importante, mas não suficiente. De pouco adianta apenas acompanhar quem navega à deriva. É preciso, urgente, uma mudança de rumos.

Moção de apelo por ajuda internacional está sendo elaborada pela CRE do Senado. Embora também necessária, e louvável, do mesmo modo, insuficiente.

A “CPI da Pandemia” surge no horizonte do momento como um instrumento de pressão, para que o Governo  aja com rapidez, coordenação e vontade.

Ou o presidente Bolsonaro se dirige à Nação e demonstra, diante de todos os brasileiros, plena consciência sobre a gravidade da situação e apresenta, ao lado do Ministro da Saúde, um plano nacional de  execução urgente para enfrentamento à pandemia,  ou  permaneceremos, todos, no CAOS.

O Brasil precisa emergir à superfície do SIM.

Do SIM à vida!

Senadora Simone Tebet

MDB-MS”

Notícias Relacionadas

Em Bonito, presidente do PSDB reforça força política de Josmail Rodrigues e diz estar otimista com reeleição

Bonito recebeu no último sábado (15) o Encontro de Lideranças e Estratégias Eleitorais do PSDB (Partido da Social Democracia...