Para ajudar amigo, militares mandam R$ 1 mil e descobrem ter caído em golpe

Últimas Notícias

Dois militares do Exército Brasileiro, de 23 e 32 anos, procuraram a polícia após serem vítimas de golpe do WhatsApp em Jardim. Achando que estavam ajudando um amigo do quartel, atenderam ao pedido por mensagem no aplicativo e transferiram mais de R$ 1 mil para o estelionatário.

Segundo o boletim de ocorrência registrado nesta segunda-feira (8), na tarde anterior os dois militares receberam mensagens do número do amigo pedindo ajuda para pagar uma conta. Na conversa, o “colega” afirmava que logo devolveria o dinheiro e por isso, para ajudar, cada um enviou o que podia – um transferiu R$ 400 e o outro R$ 597.

As duas transferências foram feitas pelo Pix para a conta da mesma pessoa, um homem chamado Gabriel. Os militares chegaram a ligar para o amigo para verificar a situação, mas como ele estava em uma fazenda, não atendeu. Ainda assim eles resolveram mandar o dinheiro.

Mais tarde, quando o amigo retornou para a cidade, descobriram que a conta dele no WhatsApp havia sido “furtada” e que haviam caído em um golpe. Para a polícia, relataram que o estelionatário chegou a pedir mais dinheiro, mas eles não atenderam o pedido.

Todos os dados da conta foram repassados a polícia que agora investiga o estelionato.

Notícias Relacionadas

Dono de sítio sofre com ataque de abelhas e denúncia vizinho a polícia

O dono de um sítio do Assentamento Recanto do Rio Miranda procurou a polícia após sofrer ataques de abelhas...