Cliente causa transtorno em bar por não ser atendido sem máscara e vai parar na delegacia

Últimas Notícias

Dono de uma extensa ficha policial por crimes de violência doméstica, homem de 38 anos acabou na delegacia por causar transtorno em um bar após não ser atendido sem máscara em Bodoquena. Ele quebrou mesas do local depois que o proprietário se negou a desrespeitas as normas de biossegurança.

Para a polícia, o proprietário contou que o suspeito chegou ao estabelecimento sem máscara e por isso se negou a atendê-lo. Nervoso, o homem começou a arremessas as messas e cadeiras do bar no chão enquanto gritava que não iria embora até ser atendido. Neste momento a Polícia Militar foi chamada.

Quando chegaram ao local, os policiais pediram os documentos do homem, mas ele afirmou que não estava com eles. Foi revistado e em seu bolso, as equipes encontraram RG e CPF. O suspeito não contou por que mentiu, mas ao conferir o nome dele no sistema, os militares descobriram que ele tinha várias passagens por violência doméstica.

Os policiais pediram ainda que o homem fosse embora, pois estava sem a máscara de uso obrigatório e causava transtorno aos demais clientes. Mesmo com a presença dos militares, ele negou sair. Por conta disso, recebeu voz de prisão e reagiu, investiu contra a equipe e acabou imobilizado e algemado.

Foi levado então para a Delegacia de Polícia Civil da cidade, onde foi autuado por resistência e liberado após assinar o Termo Circunstanciado de Ocorrência.

Notícias Relacionadas

Período de pré-matrícula da Rede Estadual de Ensino termina nesta quinta-feira

Etapa deve ser realizada pelos pais ou responsáveis e consiste no preenchimento de dados do aluno e seleção da...