Famílias assentadas serão contempladas com projeto de assistência técnica e extensão rural

Últimas Notícias

Uma iniciativa do Governo Federal, em parceria com a Anater (Agência Nacional de Assistência Técnica e Extensão Rural) vai levar projeto de assistência técnica e extensão rural a 79 famílias do Assentamento Campina em Bodoquena.
Bodoquena foi contemplada, através do Instituto Crescer, no Programa “Produzir Brasil”, por meio da ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tereza Cristina.
O instituto é vencedor da chamada pública federal e será responsável pela execução do projeto em municípios de Mato Grosso do Sul, realizando levantamentos de aptidão dos assentados, das demandas e necessidades do local, de suas cadeias produtivas para que seja realizado diagnóstico local que permita trabalhar as questões da titularidade de terra e acessos a financiamentos.
O prefeito Kazu Horii, acompanhado da secretária de Assistência Social, Marcilene Aquino e secretária adjunta Anuska Reis, se reuniram com a presidente do Instituto Crescer, Ana Cristina e o diretor Antônio Daniel, para tratar da implantação e do apoio que será oferecido pelo município.
Para o prefeito, é fundamental que o trabalho seja realizado. “Ficamos felizes em receber um projeto que permitirá que esses núcleos familiares conquistem o documento de titulação, isso permite a geração de renda e independência financeira”, acredita.
O trabalho será executado em dois anos, de forma presencial e remota, respeitando os protocolos de biosegurança e prevenção à covid-19 enquanto houver situação de pandemia. A prefeitura de Bodoquena realizará apoio cedendo espaços para reuniões e dando orientações aos assentados.

Notícias Relacionadas

Bodoquena inicia testagem em massa na população para detectar possíveis casos de Covid-19

A Secretaria de Saúde de Bodoquena iniciou nesta sexta-feira (11) a testagem em massa da população para COVID-19. Para...