Fazendeira é multada em R$ 18 mil por desmatar área nativa para plantar soja

Últimas Notícias

Policiais militares ambientais de Bonito multaram em R$ 18 mil uma pecuarista, de 78 anos, por desmatar área de vegetação nativa para plantar soja, em uma propriedade a cerca de 40 quilômetros da cidade. O crime ambiental foi descoberto durante fiscalizações nesta segunda-feira (22).

Segundo divulgado nesta manhã, a fazendeira desmatou a mata nativa, realizou o plantio da soja e explorou a madeira retirada do local. A equipe mediu a área desmatada ilegalmente com uso de GPS, que perfez 17,78 hectares destruídos.

A fazendeira é de Antônio João, foi autuada e recebeu multa administrativa de R$ 18 mil. Ela também responderá por crime ambiental, que prevê pena de três a seis meses de detenção. Além disso, a mulher foi notificada a apresentar um Plano de Recuperação da Área Degradada e Alterada (PRADA) junto ao órgão ambiental estadual.

Notícias Relacionadas

Táxi roubado em Bonito é localizado em aldeia de Miranda e suspeito identificado

Em menos de 24 horas as forças policiais de Mato Grosso do Sul localizaram o táxi roubado em Bonito...