Por covid-19 novela Pantanal é adiada e turismo de Miranda faz planos para lucrar com visibilidade da região

Últimas Notícias

Embora o remake da novela “Pantanal” tenha sido adiado pela TV Globo, empresários de turismo da região do Pantanal de Miranda estão se articulando para aproveitar a visibilidade da TV aberta para montar a alavancar pacotes de turismo com temáticas tratadas no folhetim.

As gravações e todas as atividades do entorno da novela serão sediadas em Aquidauana, a 70 km de Miranda. Em Aquidauana, a Fazenda Rio Negro, onde ocorreram as gravações da primeira versão de “Pantanal” em 1990, será também a principal locação  do remake.

 

De propriedade do empresário André Esteves, a Fazenda Rio Negro, em Aquidauana, vai sediar a produção da TV Globo. “Tivemos informações que eles vão filmar em Miranda e Corumbá também, além de Aquidauana”, disse secretario de Turismo de Miranda, Ricardo Pereira.

Embora toda a produção esteja concentrada em Aquidauana, a Visit Pantanal, entidade do setor turístico composta por empresários mirandenses diz acreditar que a visibilidade proporcionada pela novela possa ser aproveitada por toda a região.

“A região Pantanal como um todo vai ser beneficiada, porque as pessoas não sabem que é em Aquidauana, que é em Miranda, que é em Corumbá. As pessoas sabem que é Pantanal. Então a gente tem que só tomar cuidado para não perder pro Pantanal Norte e aí a gente tentar de alguma forma disso aqui na nossa região. Por exemplo, a gente tá se articulando como operadora para criar pacotes relacionados à novela, coisas assim para chamar atenção para a região”, disse ao Bonito +, Lejânia Malheiros presidente da Visit Pantanal. Questionada sobre a visita de produtores da TV Globo para a região de Miranda, Lejânia diz que “estão vindo, mas irão para a região da Rio Negro, onde serão as gravações da novela”.

Um grupo de produtores da novela já se reuniu com o prefeito de Aquidauana, Odilon Ribeiro (PSDB), para tratar sobre logística das gravações.

Segundo o secretario de Turismo de Miranda, Ricardo Alexandro Pereira, o município ainda não foi procurado oficialmente pela TV Globo para apoios logísticos. “Tivemos informações que eles vão filmar em Miranda e Corumbá também, além de Aquidauana”, disse Pereira ao Bonito+.

Adiamento

A TV Globo decidiu adiar Pantanal para 2022. Assim, as gravações que tinham início previsto para este mês de abril, devem começar apenas no segundo semestre. A emissora carioca vai reprisar a novela “Império” após o término de “Amor de Mãe”. Depois de Império, deve ir ao ar a trama inédita “Um Lugar ao Sol”. Só depois viria Pantanal. A decisão se deve por atrasos nas produções impostos pela pandemia.

A fazenda

A Fazenda Rio Negro, onde a produção da novela ficará concentrada, é de propriedade do empresário André Esteves, que adquiriu milhares de hectares no Pantanal e é sócio do banco BTG Pactual. Esteves foi preso em novembro de 2015, após promotores o acusarem de tentar comprar o silêncio de testemunha envolvida num esquema de suborno. Ele foi forçado a deixar o cargo de presidente do BTG Pactual. Ele retornou ao banco em abril de 2016, mas apenas como consultor sênior. Um juiz federal o absolveu no ano passado.

Juma

A atriz Cristiana Oliveira, que viveu a personagem Juma, na primeira versão de “Pantanal” esteve em Bonito em fevereiro. O Bonito+ cobriu a visita da atriz, veja nos links:

https://www.bonitomais.com.br/cidades/2021/02/musa-da-novela-pantanal-cristiana-oliveira-participa-de-acao-no-aguas-do-miranda/

https://www.bonitomais.com.br/geral/2021/02/em-bonito-cristiana-oliveira-planta-arvore-mergulha-em-rio-e-participa-de-programa-nesta-quinta/

 

Notícias Relacionadas

Bandeira cinza: entenda o que “pode” e o que “não pode” em Miranda

Na véspera do início da vigência do decreto estadual nº 15693 que traz medidas restritivas para conter o avanço...