Dupla é flagrada vendendo carne na madrugada e levanta suspeitas sobre furto de gado

Últimas Notícias

Dois homens foram detidos enquanto entregavam carregamento de carne em açougues de Porto Murtinho na noite desta terça-feira (6). Além de não seguirem os padrões da Vigilância Sanitária, a carne não possuía notas, o que levantou a suspeita dos policiais sobre possível ligação com recentes crimes de abigeato (furto de gado) em propriedades rurais do município.

Conforme o registro policial, a dupla foi descoberta após denúncia de que um veículo de passeio cor prata estaria abastecendo açougues da cidade durante a madrugada. Ao chegar no primeiro local informado, o proprietário, 35 anos, explicou que um homem de 35 anos teria deixado uma quantidade de carne equivalente a uma vaca e seguido para outro comércio, no bairro Nossa Senhora Aparecida.

No segundo estabelecimento, a dupla foi flagrada descarregando a carne. Questionado sobre a origem do produto, o homem afirmou que os animais foram abatidos na fazenda do pai, localizada no Paraguai. O suspeito afirmou que não possuía notas dos animais abatidos e que coro foi deixado na propriedade rural.

Os dois proprietários dos açougues e os dois vendedores foram levados para delegacia e vão responder por crime de relação de consumo, caracterizado pela venda ou depósito de produto impróprio para consumo. A Vigilância Sanitária foi acionada, porém não compareceu no momento da apreensão.

Abigeato – Também segundo o boletim de ocorrência, o município tem registrado vários furtos de gado e no último sábado (3) um animal foi abatido com arma de fogo junto a cerca de uma fazenda.

Notícias Relacionadas

Desbarrancamento em área de banhado pode ter causado turvamento do Rio Formoso

Relatório Técnico Preliminar produzido pela Fundação Neotrópica do Brasil sobre o fenômeno de turvamento no Rio Formoso entre meses...